Voltar

ASNIÈRES: O CORAÇÃO DA LOUIS VUITTON

O ateliê de Asnières é o verdadeiro espaço da Maison. A curadora Judith Clark procurou destacar esta visão na exposição encontrada na Galerie.

Apenas cinco anos depois de fundar sua Maison, Louis Vuitton começou a aumentar sua sede em Paris. Em 1859, ele mudou os novos ateliês para Asnières, uma vila a poucos quilômetros a noroeste de Paris.

Esses novos ateliês foram construídos no etéreo estilo Eiffel, combinando vidro e aço. O savoir-faire dos artesãos de Asnières é tão excepcional que, ainda hoje, peças importantes são criadas aqui: baús rígidos, criações em couros raros ou exóticos, pedidos especiais.

Revelar os aspectos íntimos da história da Louis Vuitton, destacar suas gravatas com os ateliês, ressaltar a presença do universo Louis Vuitton... Esses são alguns dos desafios que a curadora Judith Clark buscou alcançar com o novo espaço, criativo, divertido e atemporal, que ela imaginou tão vividamente.

Veja mais sobre o ateliê de Asnières e sua Galerie aqui.

Categorias: Asnières, Galeria