• GUIAS DE VIAGEM 2016

    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • GUIAS DE VIAGEM 2016 - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    Em maio de 2016, a coleção “Livro de Viagem Louis Vuitton” adiciona a África do Sul aos seus destinos e retoma a edição de Paris.

    Agora é a vez de Brecht Evens, um autor jovem de romances gráficos, oferecer um olhar moderno à cidade de Paris. Enquanto o pintor Liu Xiaodong expressa sua experiência real sobre a África do Sul.

    Cada artista explora um país anteriormente desconhecido para ele. Eles são confrontados com um lugar desconhecido, com um ponto de vista aguçado pela surpresa do desconhecido ou estimulado pelo prazer da redescoberta.

    Indo além da vocação pictórica desses diários de viagem, a coleção destaca os ricos horizontes estéticos da arte atual. Durante suas viagens, esses artistas de vários cantos do mundo tiveram a liberdade de escolher o modo de expressão e comunicaram suas visões de outros lugares através de desenhos, pinturas, colagem, arte contemporânea, ilustrações, quadrinhos ou mangá.

    Para cada título novo, uma edição limitada de 30 cópias numeradas e assinadas pelo artista estará disponível nas lojas Louis Vuitton selecionadas. Veja a coleção completa, incluindo os dois novos destinos, aqui.

    Livros de Viagem Ilustração Pintura Paris
  • BOTA WONDERLAND

    Uma bota com a fivela LV TWIST cria uma assinatura transversal com a nova bolsa Twist clássica da Louis Vuitton.

    A bota Flat Ranger em couro de vitelo liso é adornado com as letras “L” e “V” entrelaçadas para formar as iniciais da fivela LV Twist, como uma assinatura transversal com a coleção de artigos em couro com o mesmo nome.
    A tira decorativa no tornozelo combina com o couro de vitelo. A bota também exibe acessórios dourados e cadarços pretos.

    Um item essencial nesta estação, que deixará qualquer look no limite entre o masculino e o feminino.

    Veja a vídeo sobre a bota Wonderland.

    Sapatos Twist Vídeo
  • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK

    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    • A EQUIPE EMIRATES DA NOVA ZELÂNDIA GANHA EM NOVA YORK - NOTÍCIAS sobre Arte e Viagens na Louis Vuitton
    A equipe Emirates da Nova Zelândia confirma sua liderança na Série Mundial da America’s Cup Louis Vuitton em Nova York.

    O quinto evento da Série Mundial da America’s Cup Louis Vuitton foi ganho no último domingo pela equipe Emirates, da Nova Zelândia, em Nova York. Comandado por Glenn Ashby, o catamarã Kiwi venceu na terceira e última rodada, em frente a uma multidão estimada em cem mil espectadores, presentes para a ocasião.

    A próxima parada da Série Mundial da America’s Cup Louis Vuitton será em Chicago, de 10 a 12 de junho.

    Encontre mais informações sobre as corridas e descubra a nova coleção da America’s Cup Louis Vuitton, com uma gama de visuais casuais elegantes e de lazer, aqui.

    America’s Cup Competição de Vela
  • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO

    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • O MET GALA DE 2016 - TAPETE VERMELHO - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    Ontem, Nicolas Ghesquière foi o presidente honorário do Met Gala de 2016, juntamente com Karl Lagerfeld, Miuccia Prada e Taylor Swift.

    Nesta ocasião, amigos da Maison e celebridades foram vistos um pouco antes de participarem do prestigiado evento. Entre as personalidades presentes estavam:  Alicia Vikander, Lea Seydoux, Xavier Dolan, Miranda Kerr, Selena Gomez, Taylor Swift, Jayden Smith, Michelle Williams, Grimes e Jennifer Connelly.

    Este evento celebra a exposição da primavera de 2016 do Costume Institute, intitulada “Manus x Machina: Fashion in an age of technology”. Alguns visuais da Louis Vuitton também serão apresentados na exposição.

    Descubra aqui os retratos de Patrick Demarchelier na conta da Louis Vuitton no Instagram.

    Ready to wear Nicolas Ghesquière MET Gala
  • EXPOSIÇÃO EM TÓQUIO: AMBIENTE JAPONÊS

    Um ambiente japonês exclusivo na exposição “Volez, Voguez, Voyagez – Louis Vuitton” em Tóquio.

    A Louis Vuitton desfruta de uma relação única e sólida com o Japão, fundada nos princípios da tradição e da modernidade, há anos.

    Na terra do sol nascente, a tradição é expressa na conservação de um sistema cultural, que permite a preservação do passado e a memória coletiva de uma nação.

    De uma perspectiva ocidental, o Japão também é uma terra que cria modernidade.

    Da mesma forma, a Louis Vuitton cultiva habilmente as bases aristocráticas de sua história, enquanto se aventura na vanguarda da modernidade e do futurismo.
    Dentro desta ambiguidade, a Maison encontrou semelhanças e o reconhecimento recíproco com o Japão: sejam eles os designs inimitáveis e inovadores que são confiados a Takashi Murakami, a Yayoi Kusama ou ao Rei Kawakubo para a Comme Des Garçons, seja ele um baú de maquiagens para um ator kabuki ou um baú-cabine de 1883 para um dignitário, os objetos nascidos desse encontro reconhecem seus direitos no presente.

    Gaston-Louis Vuitton colecionava tsubas, as guardas decoradas normalmente encontradas na base da empunhadura das espadas japonesas; seu pai, Georges, era fascinado pelos motivos japoneses, como aqueles encontrados nos mons, os brasões de família que influenciaram o famoso Monogram, evidência da admiração entre a Louis Vuitton e o Japão.

    Agende sua visita aqui.

    Descubra a página da exposição aqui.

    Exibição Tóquio Japan