• SAVOIR-FAIRE PARA O BAÚ PERSONALIZADO DE “A LEITEIRA”

    Saiba mais sobre o baú criado especialmente para proteger a obra “A leiteira”, de Vermeer, em sua viagem de Amsterdã a Tóquio.

    Em 1924, Louis Vuitton fez um baú para o galerista francês René Gimpel, permitindo que ele viajasse por todo o mundo e apresentasse obras de arte a seus clientes. Desde então, a Maison tem a confiança de clientes em todo o mundo para transportar obras de arte e suprimentos, criando estojos que protegem e transportam seus pertences nas melhores condições. Mantendo esta tradição, o Rijksmuseum pediu à Louis Vuitton que criasse um baú sob medida para transportar a obra-prima “A leiteira”, de Johannes Vermeer, durante sua viagem de Amsterdã ao Japão.

    O baú, feito à mão nos históricos ateliês da Louis Vuitton em Asnières, na França, foi meticulosamente produzido para guardar o quadro. Adornado com o icônico canvas Monogram e com os exclusivos cantos e fechos de metal, o baú apresenta listras personalizadas, pintadas à mão, juntamente com um interior amarelo que faz referência às cores principais da obra-prima.

    Categorias: Savoir-Faire, Exibição, Trunk

  • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON

    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    • “A LEITEIRA” DE VERMEER VIAJA EM UM LOUIS VUITTON - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    A Louis Vuitton criou um baú sob medida para transportar a obra “A Leiteira”, de Vermeer, de Amsterdã a Tóquio.

    Desde sua fundação, a Louis Vuitton tem sido a principal embaladora de alguns dos objetos mais preciosos do mundo. Este ano, fiel à sua paixão pela criação e forte apoio às artes, a Maison aliou-se ao Rijksmuseum em Amsterdã para transportar uma das peças mais importantes do museu: “A Leiteira”, de Johannes Vermeer. Na ocasião da exposição “Making the Difference: Vermeer and Dutch Art” (Fazendo a diferença: Vermeer e a Arte Holandesa) no Ueno Royal Museum de Tóquio, a obra de arte mundialmente famosa viajou em um baú da Louis Vuitton, feito sob medida, de seu lar nos Países Baixos para o Japão.

    “A Leiteira” é uma pintura em óleo sobre tela de uma “leiteira” ou criada derramando leite em um recipiente, totalmente distraída em seu trabalho. Exceto pelo leite, todo o resto está imóvel. Vermeer aproveitou essa simples atividade cotidiana e fez dela o tema de uma pintura impressionante – a mulher parece uma estátua na sala bem iluminada. As pinturas de Johannes Vermeer estão entre as obras de arte mais preciosas do mundo e são mantidas nos melhores museus do mundo. Ter a responsabilidade de fazer o transporte internacional seguro dessa obra-prima é uma honra e um testemunho da tradição da Louis Vuitton no trabalho artesanal de qualidade.

    Categorias: Savoir-Faire, Exibição, Trunk

  • LES PARFUMS LOUIS VUITTON NA GALERIES LAFAYETTE

    • LES PARFUMS LOUIS VUITTON NA GALERIES LAFAYETTE - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    De 3 de outubro a 28 de fevereiro, a Louis Vuitton abrirá uma pop-up store na Galeries Lafayette Haussmann dedicada à coleção Les Parfums Louis Vuitton.

    A Maison foi convidada novamente este ano pela Galeries Lafayette Haussmann para apresentar sua coleção Les Parfums Louis Vuitton em uma pop-up store especial.
    Lá, você poderá descobrir toda a coleção de fragrâncias femininas, incluindo a Attrape-Rêves, a última criação do mestre perfumista Jacques Cavallier Belletrud. Uma fragrância festiva que celebra o sentimento de admiração.
    A loja também oferecerá a coleção de fragrâncias masculinas da Maison. Cinco fragrâncias que prestam uma homenagem às aventuras em busca da autorrevelação.
    Por fim, a fragrância Ombre Nomade mergulhará você nas profundezas das madeiras mais escuras e preciosas.
    Tantos convites para explorar os sentidos e viajar para novos horizontes.
    Nesta pop-up store, você pode personalizar seu frasco de perfume ou estojo de viagem com suas iniciais gravadas em um acabamento dourado ou tom sobre tom, deixando uma marca pessoal e indelével.
    Louis Vuitton Paris Galeries Lafayette Primeiro andar, arco E4 40, boulevard Haussmann 75 009 Paris

    Categorias: Fragrâncias Louis Vuitton, Jacques Cavallier Belletrud, Carteiras, Personalização, Gravação Vidro de Perfume, Hot Stamping

  • LOUIS VUITTON RECEBEU A BUTTERFLY MARK

    • LOUIS VUITTON RECEBEU A BUTTERFLY MARK - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    A Louis Vuitton recebeu a Butterfly Mark, concedida pela Positive Luxury, por excelência em áreas de inovação, práticas sociais e ambientais, governança e filantropia.

    Desde 1854, quando a Louis Vuitton foi fundada, seu nome se tornou sinônimo de savoir-faire e design visionário. Com o passar do tempo, a marca tem abraçado continuamente as noções de inovação, colaboração e ousadia, desafiando as fronteiras entre o trabalho artesanal, arte e design.

    “Excelente design, sustentabilidade e um ótimo negócio andam de mãos dadas”, diz nosso Diretor Executivo, Michael Burke, descrevendo como a sustentabilidade é parte integrante de nossos negócios.

    Em 2018, a Louis Vuitton recebeu a Butterfly Mark, concedida pela Positive Luxury, por excelência em áreas de inovação, práticas sociais e ambientais, governança e filantropia. Fundada em 2011, a Positive Luxury valoriza as marcas que atuam com profundo respeito pelo mundo e pelas gerações futuras. Ela oferece transparência através da Butterfly Mark interativa, apresentando marcas de luxo que assumem a liderança de forma proativa em sustentabilidade, permitindo que as pessoas comprem de um modo melhor.

    Para explorar as conquistas da Louis Vuitton em sustentabilidade, visite sua página exclusiva na Positive Luxury.

    Categorias: Inovação

  • REABERTURA DO ATELIER DE ASNIÈRES

    • REABERTURA DO ATELIER DE ASNIÈRES - NOTÍCIAS sobre Herança na Louis Vuitton
    Todos os finais de semana, de 20 de outubro a 25 de novembro, o atelier de Asnières reabrirá suas portas ao público.

    O atelier de Asnières é um local importante. Apenas cinco anos depois de fundar a Louis Vuitton, o próprio Louis começou a aumentar sua sede em Paris. Em 1859, ele mudou os novos ateliers para Asnières, uma vila a poucos quilômetros a noroeste de Paris.

    Esse novo atelier foi construído no etéreo estilo Eiffel, combinando vidro e aço. O savoir-faire dos artesãos de Asnières é tão excepcional que, ainda hoje, peças importantes são criadas aqui: baús rígidos, criações em couros raros ou exóticos, pedidos especiais.

    Visite Asnières e descubra os detalhes da história da Louis Vuitton, seus laços com os ateliers, e admire a presença do universo Louis Vuitton em todas as criações.

    Agende online sua visita ao Atelier de Asnières agora.

    Categorias: Asnières, Galerie